30 vagas para quem quer ser um Redator Freelancer

São 16 categorias ao todo, que variam desde saúde e bem estar até e-commerce.

30 vagas para quem quer ser um Redator Freelancer
(Nota 5) 12 voto(s)

Um computador na mão e uma ideia na cabeça. Parafraseando o cineasta Glauber Rocha, se há uma coisa que fica cada vez mais evidente é que os profissionais que trabalham com conteúdo para a internet não precisam muito mais do que uma tela e um teclado para produzir e ganhar a vida com isso.

Seja escrevendo Home Office, ou ensaiando passos de um nômade digital, ser redator nos dias de hoje pode, sim, ser sinônimo de tempo de vida bem aproveitado. É pensando nisso que o nosso blog reuniu algumas dicas de onde você encontra vagas para aderir de vez a esse estilo de vida, e apresenta uma novidade: a plataforma online do Meu Redator.

Rede de contatos

Uma dica importante para quando quiser entrar de cabeça no Home Office é deixar que seus colegas saibam disso. Sobretudo se quiser ser um freelancer. Afinal, quem melhor para conhecer e indicar seu trabalho do que sua rede de contatos? Cada vez mais empresas possuem oportunidades temporárias que podem se encaixar em seu novo estilo de vida, e investir no mercado local dessa maneira pode ser uma ótima alternativa.

Sites de freelas

Nos sites de freelas você até encontra vagas para redatores e pode ensaiar os primeiros contatos com clientes, porém, tais portais costumam funcionar em forma de leilão, o que muitas vezes torna as relações distantes. O bom é procurar um portal que permita ao redator mostrar seu potencial antes de aceitar um trabalho.

Meu Redator

É nesse ponto que o Meu Redator aparece como uma ótima opção na procura por vagas. O site acaba de ser lançado e é voltado exclusivamente a atender demandas de produção de texto. Após fazer um cadastro gratuito, você, redator, já pode se pré-candidatar para as áreas com as quais mais se identifica. São 16 categorias ao todo, que variam desde saúde e bem estar até e-commerce. E permitem ao candidato, além de destacar o motivo pelo qual se diferencia em cada especialidade, enviar um texto/teste mostrando suas habilidades.

São 30 vagas disponíveis

O Meu Redator acaba de sair do forno e já possui 30 vagas em nove das categorias disponíveis. O sistema é bem simples: depois de aprovado no pré-cadastro em uma especialidade, você fica habilitado para receber os projetos naquela linha temática. A partir daí, você já pode pegar tarefas em uma área específica do site e depois acompanhar o seu andamento.

Prazos e valores flexíveis

Os prazos e valores de cada tarefa variam conforme o tipo de produção (posts, ebooks) e o tamanho. Se para um conteúdo de 500 palavras você tem um deadline de dois dias, esse prazo aumenta para três dias para textos de 1000 ou sete dias para ebooks de 2000 palavras. Vale lembrar que é possível estabelecer novos prazos aos moderadores das tarefas quando necessário, assim como antecipar em tarefas urgentes.

Feedback garantido

Outro aspecto bastante relevante do site é o retorno do cliente ou da equipe gestora. Enquanto que nas candidaturas iniciais o redator recebe um feedback quando é reprovado (e tem a oportunidade de candidatar-se novamente), nas tarefas que não são aprovadas você também tem a oportunidade de saber o que precisa melhorar para fazer as alterações. Todos esses fatores estabelecem uma relação de confiança com quem contrata você como freela e otimiza os resultados que ambas as partes podem obter.

 

Como ser um redator freelancer de sucesso na plataforma

O começo da carreira de um redator freelancer pode parecer, à princípio, um pouco trabalhoso, mas com um pouco de paciência e persistência, você pode chegar lá!

Não desista se por acaso você tiver sua candidatura reprovada. Tente descobrir os erros que você cometeu e se aperfeiçoe a partir disso. Nossos erros também nos ensinam bastante! A prática leva à perfeição. E nessa carreira não tem outro jeito, senão praticar muito.

É legal que você esteja sempre lendo conteúdos relacionados à produção de conteúdo, inbound marketing e copywriting, por exemplo, pois eles ajudarão você a produzir artigos com mais qualidade e com mais chances de causar satisfação.

E aí? Está mais confiante para encarar o desafio de virar freela? Tem mais alguma dica para compartilhar conosco? Deixe aí o seu comentário.

Leia também: Como encontrar redatores online?

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *