Ter um texto bem colocado no ranking dos buscadores não é uma tarefa simples, porém é extremamente necessário para quem deseja atingir o sucesso e conquistar novos leads, aumentando assim o lucro do seu negócio.

Com a grande quantidade de informação existente na web, ter seu texto nos primeiros resultados é sinônimo de qualidade e maior visibilidade dos seus produtos, para isso é necessário aplicar algumas técnicas de otimização, conhecidas como SEO.

No entanto, produzir artigos bem escritos não é o suficiente para ser alavancado pelo algoritmo. É necessário sempre buscar mais estratégias, novas técnicas e ferramentas que ajudem o conteúdo a se tornar mais interessante para o Google.

Com base nisso, separamos aqui as melhores práticas e técnicas de SEO para redatores. Desse modo, não vai ser difícil estar no topo do ranking e se tornar o site preferido dos leitores. Confira abaixo nossas dicas e coloque já seus textos na primeira página do Google.

O que é o SEO para redatores

Mesmo que seja um assunto sempre em pauta na atualidade, muitas pessoas ainda têm dúvidas sobre como o SEO funciona. Afinal, entender o sistema de como funciona o algoritmo exige dedicação e muitas horas de estudos, pois ele está constantemente sendo atualizado.

Em resumo, chamamos de SEO o conjunto de técnicas utilizadas com o objetivo de alavancar um texto dentro do ranking dos buscadores da web. Desse modo, ele tem mais chances de ser encontrado pelo público, atingir um número expressivo de pessoas e ter uma visibilidade ainda maior dentro do seu segmento.

Porém, temos que concordar que aprender a dispor essa ferramenta dentro dos textos não é uma tarefa simples. Cada passo exige muita compreensão sobre o funcionamento do algoritmo, é preciso levar em consideração os desejos do público alvo e principalmente focar na criação de um super diferencial qualitativo.

6 práticas de SEO para redatores

Ao realizar uma pesquisa sobre SEO para redatores é comum se deparar com uma infinidade de termos técnicos e palavras em inglês. Esse resultado pode assustar bastante quem está começando, afinal, é muita informação para entender e aprender logo de início.

Porém, nem tudo dentro do SEO é difícil. Algumas técnicas são simples e básicas, mas fazem muita diferença na colocação do texto dentro dos resultados do Google. Sendo assim, vale a pena aprender essas estratégias e começar a aplica-las em todos os seus artigos.

Confira abaixo nossas dicas!

  1. Faça uma boa pesquisa sobre palavras chave

Você já ouviu falar sobre palavras-chave? Elas são um dos principais pilares do SEO, sendo as grandes responsáveis pelas boas colocações no ranking. Desse modo, investir em uma boa pesquisa para definir as suas é a melhor alternativa para atingir o sucesso.

O primeiro passo é entender exatamente qual é o tema do conteúdo que será produzido. Depois, descobrir como e por qual motivo o público gostaria de vê-lo. Assim, não será difícil encontrar as melhores palavras-chave para utilizar no seu texto.

Uma keyword de qualidade é aquela que compreende o texto de maneira resumida, mas que ao mesmo tempo indica tudo que ele oferece. Elas devem ser as primeiras palavras que vem à mente do usuário quando quiser realizar a busca. Por exemplo, neste artigo, a keyword  principal seria melhores práticas de SEO.

  1. Capriche no título

O título do seu conteúdo é a primeira (e em muitos casos, a única) frase que o usuário vai ler. Ele é o principal responsável por atrair a atenção do leitor e deve ser convidativo da maneira correta, sem clickbait e excessos de informação.

Um título de qualidade é aquele que fala sobre o artigo e resume seu conteúdo de maneira ampla e “embelezada”. Para descobrir como escolhê-lo é preciso novamente pensar como um usuário e lembrar o que você gosta de ver ao fazer suas próprias pesquisas.

Expressões como “guia prático” e “o que é e como funciona” tem um histórico de bons resultados no Google. Afinal, é através dessas expressões que o leitor vai perceber se o texto informa tudo o que ele precisa saber de uma maneira bem prática e rápida.

Para agradar o algoritmo é importante lembrar que textos otimizados com SEO devem sempre ter a palavra-chave logo no começo. Dessa forma, fica mais fácil para o mecanismo entender que seu conteúdo tem tudo a ver com a busca dos clientes e impulsioná-lo dentro da lista.

Além disso, títulos SEO nunca são muito longos. Comumente, eles podem ser lidos inteiramente logo na lista de pesquisa, pois informações completas chamam mais a atenção do usuário.

  1. Meta description também faz parte do texto

Dentre as práticas de SEO para redatores, é fundamental citar a meta description. Mesmo que ela não faça parte do corpo do texto, é muito importante para atrair a atenção dos usuários e para a localização do algoritmo.

Meta description se trata daquele pequeno texto que aparece embaixo do título nos resultados da busca do Google. Quando não definido pelo redator, o buscador estabelece alguma parte aleatória do texto para encaixar no espaço. No entanto, quando isso acontece, as informações ficam incompletas e despropositadas.

Considerando isso, investir em uma meta description de qualidade pode ser a chave para subir direto para o topo do ranking. A meta description  deve conter a palavra-chave logo no início e fechar com um call to action, pois assim, será atrativa tanto para o algoritmo quanto para os usuários.

  1. Faça uso de frases curtas e diversos subtítulos

Em tempos de redes sociais, o usuário se acostumou a ler pouco e focar em informações curtas e resumidas. Textos muito longos assustam e o fazem perder rapidamente a vontade de continuar a leitura do conteúdo. Esse fato é chamado de legibilidade e é fundamental para manter a atenção do leitor. Sendo assim, procure sempre investir em um conteúdo bem distribuído, leve e fluído.

Comumente essa prática de SEO para redatores indica menos que 4 linhas por parágrafo. Por isso, é aconselhável espalhar as informações ao longo do texto e não te medo de usar os conectivos. 20 palavras por frase é o ideal para prender a atenção do leitor sem deixá-lo cansado do texto.

Além disso, também é válido ressaltar que a palavra-chave deve aparecer em um índice de 1 a 2% dentro do artigo. Ou seja, em conteúdos de 1000 palavras, é o suficiente usar de 10 a 15 vezes a palavra-chave principal e suas variações. A repetição excessiva muitas vezes, pode afastar os clientes ao invés de atraí-los, pois eles podem sentir um apelo comercial exagerado do conteúdo.

É impreenchível equilibrar o uso das palavras-chave em partes diferentes do texto, principalmente nos títulos e subtítulos. Dessa forma, o algoritmo consegue localizar as palavras mais  facilmente. Assim é possível atingir o equilíbrio perfeito das técnicas de SEO para redatores.

  1. Torne-se um fã dos bullet points

Nada agrada mais o usuário do que localizar o conteúdo que ele está buscando de maneira simples, rápida e fácil. Para isso, os bullet points são perfeitos e muito recomendados dentro da ferramenta SEO para redatores.

As famosas “bolinhas” ao lado das frases facilitam a visualização do conteúdo e trazem credibilidade ao texto. Através delas, é possível resumir em poucas linhas aquilo que seria escrito em cerca de 3 parágrafos.

Com base nisso, ao elaborar o seu conteúdo, não tenha medo de usar essa ferramenta em várias etapas do seu texto.  Lembre-se de que elas são muito apreciadas pelos usuários e ainda mais preferidas pelos buscadores.

  1. Tenha certo cuidado com as imagens

Como citamos, SEO para redatores não se resume apenas ao conteúdo do texto. As técnicas vão muito além e compreendem todos os elementos existentes dentro do site ou blog.

Quando o seu artigo for complementado com imagens, por exemplo, a URL delas deve ser trabalhada. Nunca suba uma foto com o mesmo nome com o qual a baixou.

O simples ato de renomeá-la com a sua palavra-chave pode fazer toda a diferença para o algoritmo. Afinal, se trata de mais um elemento somando esforços com suas keywords para o sucesso do artigo.

Dica extra: use os negritos com sabedoria

Algo fundamental no artigo e que ajuda muito é o uso do negrito para destacar os principais pontos do seu artigo.  Isso, além de ajudar na legibilidade, também auxilia o robô a identificar o assunto do seu artigo e a posicioná-lo da maneira correta no buscador.

Sabendo de todas essas dicas de SEO para redatores, não vai ser difícil colocar seu conteúdo no topo do ranking do Google. Sendo assim, anote todas essas instruções, coloque elas em prática hoje mesmo e veja seus conteúdos bombarem!