Dicas básicas de ortografia e gramática para redatores

Por mais informal que o ambiente da internet possa parecer, escrever de acordo com as normas ortográficas e gramaticais é o mínimo que se espera de um bom redator, não importa o tema do texto. E a gramática da língua portuguesa tem várias situações que parecem pequenas armadilhas para o escritor.

Se para escrever com coerência e coesão textual, a prática de leitura é fundamental, para acertar na ortografia é preciso, muitas vezes, pesquisar e pesquisar de novo a mesma coisa, pois algumas regrinhas podem ser bem confusas às vezes. É o caso das 4 maneiras de grafar o porquê, ou de decidir se coloca ou não a crase no a.

Essas regras podem até parecer óbvias num primeiro momento, afinal, todos sabemos falar português, mas sabemos também que quando se trata de escrever, a coisa não é assim tão simples, não é mesmo?

Mesmo tendo conhecimento da estrutura da nossa língua, é no momento de escrever que somos pegos de surpresa por aquela dúvida: 'será que é assim mesmo que se escreve?". Isso é normal e acontece nas melhores redações. O importante é, sempre que não tiver certeza,  pesquisar. Erros dessa natureza cometidos por redatores não costumam ser perdoados por empresas.

É por isso que a Meu Redator decidiu criar uma seção de posts cujo objetivo é auxiliar o redator a sanar dúvidas básicas sobre as principais regras ortográficas e gramaticais da língua portuguesa. Garanta a qualidade ortográfica do seu texto conferindo, sempre que necessário, nossos posts com dicas rápidas e diretas. Boa escrita!

Apesar “da” ou “de a”?

Não é segredo para ninguém que a Língua Portuguesa possui inúmeras regras e exceções que deixam muita gente confusa, como é o caso das expressões apesar “da” e apesar “de a”. Isso se deve, pois, enquanto muitas palavras do idioma contém contrações que tornam a língua mais fluida, nesse caso existem algumas restrições que tornam…

“Acerca de”, “a cerca...

Você está escrevendo um texto e, de repente, começa a ficar em dúvida sobre qual expressão usar entre “acerca de”, “a cerca de” e “há cerca de”. Isso já aconteceu com você? Embora seja um problema, é mais comum do que se imagina, afinal, a língua portuguesa é cheia de regras e de exceções. Por…

Vem, vêm e veem: qual usar?

É verdade que às vezes as regras gramaticais nos causam pânico. Porque, além de lembrar do arsenal de regras, não podemos nos esquecer de que existem também as exceções. É comum surgirem dúvidas quando se trata de conjugação verbal e, muitas vezes, não sabemos ao certo se devemos usar vem, vêm, veem, vêem. Nesse momento,…

Houveram ou houve? Conjugando o verbo haver

Hoje você vai descobrir qual a forma correta de se conjugar o verbo “haver”, quais situações ele é empregado e daremos alguns exemplos para você entender de uma vez por todas quando utilizar “houveram” ou “houve”. Além disso, se seu questionamento é se esse verbo flexiona ou não no plural, entre outras dúvidas, sua espera…

Afinal, a final ou ao final

Se você chegou até esse texto, provavelmente tem dúvidas na hora de usar AFINAL, A FINAL ou AO FINAL na escrita, certo? Por isso, temos uma excelente notícia: hoje, nós vamos abordar o sentido de cada uma dessas expressões e, com isso, você vai aprender em que contexto cada uma é usada. Isso porque, embora…

Está ou estar: diferenças, como usar e macetes

Se você está em dúvidas sobre as diferenças entre as formas “está” e “estar”, assim como em qual situação usar cada uma, bem como os macetes para aplicá-las corretamente, saiba que chegou ao lugar certo. Afinal, sabemos que a língua portuguesa apresenta diferentes variações linguísticas, por isso, é importante ficar por dentro delas. Assim, pequenos…

A tarde ou à tarde, a noite ou à noite

Você já ficou em dúvida se a escrita correta seria “a tarde” ou “à tarde” ou “a noite” ou “à noite”? Ou seja, se as palavras viriam com ou sem crase? Se sim, pode relaxar, já que isso é mais comum do que se imagina. Além disso, marcar um encontro usando essas expressões pode ser…

Seminovo ou semi-novo: e agora, qual usar?

Você pensou em colocar seu carro “quase novo” para venda e, na hora de publicar o anúncio, ficou em dúvida se o certo seria descrevê-lo como seminovo ou semi-novo. Ou até mesmo, você que sempre foi “gramatiqueiro” se deparou com um anúncio de carro seminovo e ficou se questionando se a escrita talvez estaria errada. …

Uso dos pronomes demonstrativos: este, esse,...

A língua é um sistema mutável, uma vez que sofre alterações de acordo com a necessidade de comunicação dos falantes. Segundo informações de 2021, o Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa conta com mais de 350 mil palavras, e, constantemente, deparamo-nos com o surgimento de uma palavra nova que talvez ainda não esteja dicionarizada. Para facilitar…

Uso adequado da letra maiúscula: dicas...

De acordo com as regras da norma culta da língua portuguesa, a letra maiúscula é sempre utilizada para:  Ao elaborar um texto você já apresentou dúvidas quando foi escrever alguma palavra, questionando-se se esta seria com letra maiúscula ou minúscula?  Se você já passou por essa situação, não se sinta o único, pelo contrário, saiba…

“Você” e “tu”: as...

Os pronomes “você” e “tu” são essenciais na comunicação em língua portuguesa, mas também geram dúvidas sobre o uso correto de cada um. Embora os dois pronomes sejam utilizados para se referir a uma segunda pessoa no singular, existem algumas diferenças bem importantes entre eles, que afetam diretamente a forma de uso em diferentes contextos.  …

“Acima”, “abaixo”, “a cima”, “a...

“Acima”, “abaixo”, “a cima”, “a baixo”: qual é o correto usar? Algumas palavras com significados diferentes e até mesmo escritas com letras diferentes apresentam sons idênticos que, em determinados contextos, trazem ludicidade aos textos. Como exemplo, pode-se citar um poema que circula nas redes sociais “Às vezes eu versifico para ver se fico menos só”….

Diferenças entre eficácia, eficiência e...

Eficácia, eficiência e efetividade são três conceitos muito importantes para quem quer produzir textos de qualidade. Porém, muitas vezes são confundidos ou usados de forma incorreta. Neste artigo, vamos explicar o que cada um deles significa, com exemplos práticos e como aplicá-los na sua escrita. Além disso, vamos dar uma dica valiosa para você escrever…

Gerúndio e gerundismo na produção de artigos

Você sabe o que é gerúndio e gerundismo? Esses dois termos costumam gerar muitas dúvidas na hora de escrever um artigo, principalmente quando se trata de adequar o texto às normas ortográficas e gramaticais. Isso porque eles envolvem, respectivamente, o uso adequado e inadequado de uma forma verbal muito comum na língua portuguesa. Mas você…

20 palavras que você pode estar escrevendo errado

Você sabe escrever bem? Se você é um redator, essa é uma habilidade essencial para se destacar no mercado. Porém, devido à complexidade da língua portuguesa, nem sempre é fácil acertar na ortografia e na gramática. Principalmente quando existem tantas palavras parecidas ou com regras confusas.  Por isso, neste artigo, vamos mostrar 20 palavras que…

Aspas: o que são, quando devem ser usadas e...

Quem nunca ficou com dúvidas sobre o que são as aspas e como utilizá-las corretamente que atire a primeira pedra! A língua portuguesa tem questões que colocam em dúvida até mesmo quem é fera na escrita e uma dessas situações que geram dúvidas são exatamente sobre as aspas. Se você compartilha dessa dúvida, ou mesmo…

Gerúndio: como usar corretamente

O gerúndio é uma das formas nominais do verbo que expressa uma ação em progresso, ou seja, algo que está acontecendo quando se fala ou se escreve. No mundo do marketing e da redação de conteúdo, seu uso correto pode ser um diferencial para captar a atenção do leitor e transmitir mensagens de forma eficaz….

O que são gêneros textuais

O mundo da escrita é vasto e multifacetado, repleto de nuances que podem confundir até mesmo os redatores mais experientes. Entre os conceitos que mais geram dúvidas, os gêneros textuais ocupam um lugar de destaque.  No entanto, compreender o que são e como funcionam pode não apenas esclarecer essas dúvidas, mas também aprimorar significativamente suas…

Dicas por:


Maria Helena Favaro

Mestre em Linguística Aplicada pela UFSC e doutoranda em
Análise do Discurso pela UNISUL. 


Vinícius Cabral

Formado em Letras e Doutor em Educação pela
Universidade Estadual de Londrina. 


João Paulo Vicente Prilla

Professor de Língua Portuguesa e Literatura.


Rita de Cássia

Professora especialista em Língua Portuguesa e Educação.

Gostaria de publicar seu artigo aqui?
Envie seu texto para [email protected]